CIDADANIA

Projeto da Guarda Municipal acolhe crianças em situação de risco

O projeto social Agente Municipal Ambiental de Natal (AMANA) – que participa da Cientec 2015, no campus Central da UFRN, mostrando o trabalho desenvolvido em bairros da zona Oeste da cidade, como Planalto, Felipe Camarão e Cidade Nova, que fazem parte da chamada Zona de Proteção Ambiental – ZPA – de nº 1. O programa desenvolvido através de iniciativa da Guarda Municipal de Natal, visa acolher crianças em situação de risco com idade entre 9 e 12 anos, moradoras do entorno do Parque da Cidade.

Segundo o guarda municipal Marcone Lucas, 46, que também é um dos coordenadores do programa, são atendidas 60 crianças, sendo 30 pela manhã e 30 no turno da tarde, durante três dias por semana: “São oferecidas aulas de música, esporte e cidadania e realizadas aulas-passeios nas demais Zonas de proteção, também são feitas ações de recuperação de rios e praias”, explica ele.

Para participar do projeto, além das condições já mencionadas, é preciso frequentar a escola, e quando não é possível a inserção da criança ou adolescente, busca-se sua inclusão a algum outro projeto ou programa desenvolvido no Município. Ao contrário do Semente Cidadã, outra iniciativa da Guarda Municipal, o público alvo é mais restrito, já que os participantes precisam ser de uma zona específica da cidade, bem como, ser estudante da rede pública.